terça-feira, 30 de setembro de 2008

Pedalando se vai ao longe


Foi inaugurado o maior trecho de ciclovia da capital paulista fora de parques. São 6 km de pista asfaltada e pintada em um trecho paralelo às estações de Metrô Corinthians-Itaquera e Guilhermina-Esperança (Linha Vermelha). A expectativa da prefeitura é de que, nos próximos meses, esse trecho seja expandido e chegue até a Estação Tatuapé, em um total de 12,2 km interligando oito estações.

Para estimular ainda mais o uso de bicicletas na cidade, a prefeitura, em parceria com o Metrô, irá instalar três bicicletários, nas estações Corinthians-Itaquera, Carrão e Sé. A de Itaquera será inaugurado neste sábado. Nos locais, a população poderá alugar bicicletas. A primeira hora terá aluguel gratuito e, a partir da segunda hora, o ciclista terá que pagar R$ 2 por hora extra. As bicicletas podem ser devolvidas até as 20h. No caso de o ciclista precisar ficar com a bicicleta durante todo o dia, será cobrada a diária de R$ 50. Atualmente, a estação Guilhermina-Esperança, que fica no final do trecho de ciclovia inaugurado neste sábado, já possui um bicicletário. Para utilizar o serviço, o interessado deverá preencher um cadastro, assinar um termo de responsabilidade e apresentar o cartão de crédito. Além dos bicicletários, serão instalados sete pára-ciclos, estruturas para acorrentar bicicletas.

Desde o último dia 17, o Metrô liberou a viagem de ciclistas com bicicleta durante os dias úteis da semana a partir das 20h30. Além disso, foi ampliado o período em que o ciclista poderá usar o sistema nos fins de semana. Aos sábados, a entrada é liberada das 14h até o fim da operação, na primeira hora de domingo. Antes, o intervalo ia das 15h às 20h. Aos domingos e feriados, as viagens podem ser feitas durante todo o funcionamento do sistema, das 4h40 à meia-noite, substituindo o limite anterior, das 7h às 22h. Em todos os dias, é autorizada a entrada de até quatro bicicletas por trem, sempre no último vagão.

Segundo nutricionistas a atividade fortalece os músculos das pernas, nádegas, costas, peitos e abdômen. Como qualquer exercício aeróbico, aumenta a oxigenação, o que apressa a queima de gorduras e melhora o fluxo sanguíneo nos órgãos. Facilita, também, a absorção de nutrientes, beneficiando o sistema cardiorrespiratório. Tudo bem, bacana isso, e você? Topa pedalar por mais de 30 minutos diariamente? :o/

Fonte: G1

Um comentário:

Jéssica disse...

Porra Fernanda, quem é que queria emagracer hein? Tudo pelo bem da saúde e da sustentabilidade!